Assembleia Legislativa debate crise hídrica e energética

A Assembleia Legislativa do Estado de Goiás realizou nesta segunda-feira, 09/08, um debate sobre a falta de água e os desdobramentos da crise hídrica no fornecimento de energia elétrica, que está afetando todo o País.

A audiência pública teve formato híbrido, com parte dos deputados e convidados, participando do auditório Solon Amaral.

Marcos Pavan: “Debate importante para a sociedade”

Na ocasião, estiveram presentes ao debate o presidente da Saneago, Ricardo Soavinski, e o representante da Enel Distribuição Goiás, Marcos Pavan, da área institucional. Os trabalhos foram coordenados pelo deputado Jeferson Rodrigues.

O presidente da Saneago ressaltou que a empresa vem trabalhando para ultrapassar esse período mais crítico de estiagem. Segundo ele, hoje, a situação é melhor do que a crise hídrica de 2019, em razão dos investimentos que a empresa vem fazendo. Entretanto, ponderou que não é possível garantir que problemas não vão ocorrer.

Para Marcos Pavan, da Enel Goiás, a discussão sobre a crise hídrica e energética é pertinente para toda a sociedade.

“Estamos na ponta da cadeia. A empresa tem atuado com ações de sustentabilidade, desenvolvimento, pesquisa e fortalecimento da estrutura de distribuição, presente em 237 dos municípios”, salientou.

Marcos Pavan também destacou que a concessionária tem realizado investimentos de grande monta para melhorar os serviços prestados à população, além de campanhas de conscientização no combate ao desperdício de energia. (Com informações da assessoria da Alego- https://portal.al.go.leg.br/)