Fontes renováveis se destacam na expansão da geração de energia elétrica em 2020

Em 2020, foram acrescidos ao sistema elétrico brasileiro 4.932 MW de potência instalada de geração de energia elétrica centralizada. Desse total, cerca de 70% (3.519 MW) foram a partir de fontes renováveis (eólica, solar, biomassa e hídricas). Destaque para a fonte eólica que, sozinha, representou 35% do total ampliado.

A Secretaria de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia (MME) destaca o forte crescimento da geração distribuída, com ampliação estimada de 2.521 MW – energia suficiente para atender cerca de 3 milhões de pessoas.

A geração distribuída é a energia gerada no local de consumo ou próximo a ele como, por exemplo, placas solares em telhados de residências.

Capacidade instalada

Segundo dados da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a capacidade instalada no País chegou a 179.314 MW, resultando em um crescimento líquido de 4,1% em relação a 2019.

Para 2021, o monitoramento realizado pelo MME prevê a entrada em operação de mais de 4.790 MW, com 145 usinas geradoras em 20 estados da federação. (Informações do Ministério do Meio Ambiente)