Obras em casa exigem atenção e cuidado com as instalações elétricas

Durante o período de isolamento social, muitas pessoas estão aproveitando o tempo livre para fazer obras ou reformas em casa. Porém, é importante estar atento aos perigos que essa prática pode oferecer. A Enel Distribuição Goiás alerta sobre os riscos que instalações elétricas mal feitas ou o contato indevido de objetos com a rede elétrica podem causar.

A maior parte dos acidentes domésticos envolvendo a rede elétrica ocorre por falta de informação, atenção ou pelo uso errado de materiais e ferramentas. Conhecer os riscos e a maneira certa de usar são os primeiros passos para garantir a segurança da família e da comunidade.

Ao fazer obras em casa, é preciso estar atento às instalações elétricas internas e externas. Para fazer qualquer ajuste que envolva a fiação interna ou precise de algum equipamento elétrico, é preciso contratar um profissional especializado, garantindo que o serviço será executado de forma correta e que todos os cuidados serão tomados para evitar choques ou curtos-circuitos em casa.

Em obras ou reformas externas, é muito comum que materiais como vergalhões, escadas e canos metálicos sejam transportados de um ponto até outro. A Enel recomenda muita atenção nessa atividade, já que a aproximação de objetos metálicos com a fiação de energia pode fazer com que eles também fiquem energizados, causando descargas elétricas que podem resultar em acidentes muito graves, inclusive fatais. Além disso, construir embaixo da rede elétrica ou instalar andaimes próximos da fiação são ações muito perigosas para a segurança de quem está trabalhando na obra e dos moradores da casa. 

Se for fazer obras ou reformas em casa, lembrar que:

– É preciso ter cuidado para não se aproximar dos fios da rede elétrica ao manusear vergalhões, arames, réguas, escadas e outros materiais metálicos;

– Construir embaixo ou próximo da rede elétrica é um perigo, assim como usar postes para escorar escadas e andaimes;

– Instalar antenas próximas à rede elétrica também pode ser muito perigoso. Para garantir a segurança de todos, deve-se colocar a antena o mais distante possível da fiação de energia e dos para-raios. Vale lembrar que mesmo que o cabo da antena seja encapado, ele não isola a energia.

Em caso de acidentes:

– Nunca toque diretamente em uma pessoa que possa ter sido afetada por choque elétrico. O ideal é afastá-la do agente causador do choque com materiais não condutores secos, como uma corda, materiais de borracha ou até mesmo um pedaço de pau.

– Se possível, isole o local, para evitar que outras pessoas sejam afetadas, e entre em contato com o Corpo de Bombeiros, pelo 193, e com a Enel, pelo 0800 62 01 96.

Fonte: Assessoria- Enel Distribuição Goiás